Feridas

Uma vez me disseram: o cigarro é o melhor amigo.                                                                                Ora, o cigarro não é o melhor amigo do homem, o cigarro é o amor verdadeiro.                          Quando desesperada, sentindo o vazio cortar meu estômago é o cigarro a quem procuro.       É no cigarro que encontro a calmaria, a paz que tanto busco, e assim como no amor é o cigarro que é fugaz, que acaba.                                                                                                                    O se acaba porque é consumido pelo sopro do meu desejo a cada pitada, ao mesmo tempo ele me consome por sua força devastadora dos venenos pelos quais ele se torna propriamente cigarro.

O cigarro me aconchega nas horas vazias e frias. E é o cigarro quem me lança na vontade de encontrar novas companhias.                                                                                                                        No cigarro encontrei abrigo e afeto e foi pelo cigarro que fiquei doentia, com as amídalas queimadas, com o refluxo aflorecido.

É o cigarro mais uma vez que me deixa eufórica, que me traz novamente a visão para olhar afrente em disparada.                                                                                                                                       E as feridas causadas pelo cigarro, um novo cigarro solitário se apresenta para me confortar.

 

Anúncios

Sobre indelevelsabina

Uma amante anônima.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s