Arquivo do mês: março 2015

Não importa a hora do dia, pensar na morte não pode, não é sorte, nem deveria.

Não é costumeiro citar aqueles com quem eu casaria, mas hoje na inspiração do dia, o rei é o Foucault, o guia. “É simplesmente por causa do soberano que o súdito tem direito de estar vivo ou tem direito, eventualmente, … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário